Comissão de Segurança agiliza processo da viúva do soldado vítima de afogamento

SEGUNDA-FEIRA, 27 DE OUTUBRO DE 2014sd-pm

Para evitar que a senhora Mariana de Freitas Guimarães, viúva do ex-soldado PM Carlos Lima Rodrigues, que tombou no Rio Maués-Açu, na margem do município de Maués (distante 268 quilômetros da capital), num grave acidente com uma lancha que transportava funcionários do Tribunal Regional Eleitoral(TRE), no município de Maués, durante o primeiro turno das eleições, seja enganada. A Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa do Amazonas(Aleam), presidida pelo deputado Cabo Maciel(PR) iniciou o processo burocrático junto aos órgãos governamentais para que a viúva receba benefícios a que tem direito. Em razão dos fatos o presidente da Comissão de Segurança Pública disse “eu não vou poupar esforços para viabilizar a pensão previdenciária, a promoção post-mortem e a indenização por morte em serviço de militar estadual, evitando que a cônjuge supertite de nosso irmão miliciano, morto tragicamente, seja vítima de oportunidades”. E, concluiu dizendo que acompanhará o caso de perto, até que todo processo esteja resolvido.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s